" TODO CRESCIMENTO EM QUALQUER SEGMENTO, FOCANDO SOMENTE O LADO QUANTITATIVO, IGNORANDO, NEGLIGENCIANDO E ATÉ POR RELATIVIDADE E CONVENIÊNCIA, EXCLUINDO O QUALITATIVO, SEU FIM, CERTAMENTE SERÁ TRÁGICO E CATASTRÓFICO. " - Domingo

29/07/2018 11:31
FERMENTO PARA O CRESCIMENTO OU PARA A CONDENAÇÃO ETERNA ?
 
 
" Outra parábola lhes disse: O reino dos céus é semelhante ao fermento que uma mulher tomou e misturou com três medidas de farinha, até ficar tudo levedado. " Mateus: 13. 33  
 
 
 
Amados, Jesus nos ensina por meio de uma parábola, que o Evangelho, no decorrer do tempo, seria corrompido pelo mal. Sendo inserido nele, o fermento do homem, induzido por demônios em suas doutrinas levedando-o em sua essência original.
 
 
Transtornando-o e conduzindo seus seguidores à perdição eterna de suas almas.
 
 
1 Timóteo: 4. 1. Mas o Espírito expressamente diz que em tempos posteriores alguns apostatarão da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios, 2. pela hipocrisia de homens que falam mentiras e têm a sua própria consciência cauterizada,
 
Este seria, e é difundido por falsos profetas, falsos pastores, falsos apóstolos.
 
 
Cabendo, então, a nós, sermos diligentes em examinar os verdadeiros ensinos de Jesus Cristo, para que nunca venhamos a ser enganados e motivados a seguir um falso evangelho, que nos levará à destruição eterna.
 
 
Que é a perdição eterna de nossa alma que será condenada, e lançada no poço de tormento eterno, reservado inicialmente e exclusivamente ao diabo e seus demônios, porém, consequentemente, estendido àqueles que amaram mais o pecado do que a santidade, mais o mundo do que a Deus, a iniquidade do que a piedade, e a mentira do que a verdade. 
 
Lembre-se, os falsos profetas ensinam um falso evangelho declarando uma falsa e ilusória salvação.
 
 
Não se engane, fomos ensinados a julgar uma arvore por seus frutos.
 
 
Não pense que todos os que falam a respeito de Deus, são de fato, de Deus. Muitos são na realidade, discípulos e escravos do diabo.
 
 
2 Coríntios: 11. 
 
13. Pois os tais são falsos apóstolos, obreiros fraudulentos, disfarçando-se em apóstolos de Cristo. 
14. E não é de admirar, porquanto o próprio Satanás se disfarça em anjo de luz. 
15. Não é muito, pois, que também os seus ministros se disfarcem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.
 
 
Atentemos para o que nos alerta o próprio  Senhor Jesus Cristo.
 
 
Lucas: 6. 39
 
" E propôs-lhes também uma parábola: Pode porventura um cego guiar outro cego? Não cairão ambos na cova? "
 
 
Pense nisso.
 
 
Pois, valerá o destino do qual passará a sua eternidade.
 
 
Pr. Élio Loiola.
CSECHV
Ministério Só em Cristo Há Vida