" OS AVIVAMENTOS ESPIRITUAIS NA HISTORIA DA HUMANIDADE E DA IGREJA, SÓ OCORREM POR AÇÃO EFETIVA DO DEUS VIVO E ETERNO QUE É MISERICORDIOSO E EXTREMAMENTE BONDOSO PARA COM TODOS, QUERENDO QUE TODOS VENHAM EM TEMPO A SE SALVAR ETERNAMENTE. "

31/10/2017 09:44
ENTENDENDO A VERDADEIRA CAUSA DA REFORMA PROTESTANTE  E TODOS OS DEMAIS AVIVAMENTOS ESPIRITUAIS  
 
" Ouvi, Senhor, a tua palavra, e temi; aviva, ó Senhor, a tua obra no meio dos anos, no meio dos anos faze-a conhecida; na tua ira lembra-te da misericórdia. "  Habacuque  3:2  
 
Não menosprezando o fato de que é necessário que nós, os homens ouçam e obedeçam a Deus para que por meio deles, Ele venha a realizar os seus própósitos, não podemos deixar de esclarecer que é pela graça e misericórdia de Deus derramada a nós, que isto ocorre, ou seja, a primeira ação sempre parte e partiu de Deus para conosco, e nunca o contrário.
 
E é sob esta perspectiva,  que vejo a reforma protestante e todos os demais avivamentos espirituais decorridos até aqui e os que ainda poderão vir a ocorrer na historia da humanidade, não como algo realizado, literalmente, pela vontade dos homens, mas sim, como sempre, desde a fundação do mundo e a criação do homem, mais uma intervenção divina, que partiu do próprio Deus, e isto não é novidade, pois, como já mencionado acima, sempre partiu e parte d'Ele. Do próprio Deus Eterno, criador de tudo e de todos.
 
Que por meio de sua mesma e inconfundível graça abundante e misericórdia imensurável e inquestionável, sempre atenta para as necessidades da humanidade, sendo complascente com esta, retardando em irar-se, dando-lhe sempre, mais uma nova oportunidade para ela a Ele se achegar e com Ele se reconciliar para um bom e eterno fim com Ele e n'Ele desfrutar. ( Fim este que todos esperam ter, mas que infelizmente por incredulidade para com Ele e Sua Palavra não terão).
 
Então, prefiro, ao invés de denominar como uma reforma, prefiro entender como uma transformação, um avivamento espiritual, para que ao menos, tantos quantos forem possível, venham a ser impactados pelo Espírito Santo neles derramado e passem a ter realmente uma vida vívida e dirigida em Deus, com Deus e para Deus.
 
Sendo este avivamento uma fonte que jorra inexoravelmente a todos aqueles que permanecem prostrados diante desta Fonte de Águas Vivas que é O Cristo ressurreto. O Filho de Deus, Jesus Cristo, O Rei dos reis e Senhor dos senhores eternamente.
 
Pois as Escrituras ensinam que nada podemos fazer sem Deus, assim como, nada do que pensamos, procede de nós mesmos.
 
João 15: 
5. Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanece em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.
 
2 Coríntios 3: 
4. E é por Cristo que temos tal confiança em Deus; 5. não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus, 6. o qual também nos capacitou para sermos ministros duma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica.
 
Filipenses 2:
12. De sorte que, meus amados, do modo como sempre obedecestes, não somente na minha presença, mas muito mais agora na minha ausência, efetuai a vossa salvação com temor e tremor; 
13. porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade.
 
Na graça e paz de Cristo Jesus.
 
Pr. Élio Loiola.