" MESMO EM TEMPOS DE DESESPERO, TRIBULAÇÕES E CRISES,A ALEGRIA QUE O ESPÍRITO SANTO NOS CONCEDE CONCERNENTE À SUA PESSOA HABITANDO EM NÓS, JAMAIS FALTARÁ. " - Sábado

14/11/2015 11:45
DO DESESPERO À ALEGRIA
“Então... lhes pôs a mesa; e, com todos os seus, manifestava grande alegria, por terem crido em Deus”
At 16.34
 
A cidade de Filipos era colônia romana e a porta de entrada do Ocidente. Por direção divina, Paulo e Silas entram nessa cidade. Ali Deus abriu o coração de Lídia e ela e sua casa foram convertidas ao Senhor. Pelo poder do nome de Jesus, Paulo libertou uma jovem possessa por demõnios manifestos em adivinhação diabólica, e isso, gerou uma profunda tensão na cidade, pois as autoridades insurgiram-se contra os missionários e os açoitaram em praça pública. Depois os lançaram no cárcere. Paulo e Silas em vez de murmurar contra Deus, mesmo ensanguentados, oram e cantam louvores à meia-noite.
De repente um terremoto abalou a prisão e todas as portas e cadeias foram abertas. O carcereiro ao acordar com o estrondo, viu as portas abertas e, desesperado, pegou sua espada para se suicidar. Paulo, porém, bradou-lhe em alta voz: “Não te faças nenhum mal, pois todos nós estamos aqui”. O homem trêmulo traz Paulo e Silas para fora da prisão e pergunta: “O que eu devo fazer para ser salvo?” Paulo respondeu: “Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e tua casa”.
O carcereiro levou os missionários para sua própria casa, serviu-lhes uma refeição, e com todos os membros de sua família, manifestou grande alegria por terem crido em Deus. Esse homem saiu do abismo do desespero para as alturas excelsas da mais pura alegria!
Referência para leitura: Atos 16.19-40

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!