" EM TODA A OCASIÃO É BOM ESTAR APOIADO POR ALGUÉM, POIS, MUITAS VEZES, SOMENTE POR SABERMOS QUE HÁ ALGUÉM CONOSCO NA CAMINHADA, JÁ NOS ENCORAJA A PROSSEGUIR, E VENCER OS DESAFIOS A NÓS IMPOSTOS, LEMBRANDO QUE DEUS É SEMPRE CONOSCO EM CRISTO JESUS. "

28/05/2018 12:27
COMO APOIAR O MINISTÉRIO DO SEU MARIDO ?
 
 
" E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele. "  Gênesis 2:18  ( ACF)
 
 
" Então o Senhor Deus declarou: "Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e lhe corresponda". "   Gênesis 2:18  (NVI)
 
 
Quero aqui, argumentar que todo o marido temente a Deus, independente de ser ou não um pregador da palavra de Deus em público, tem seu ministério a cumprir em seu lar, para o ofício para o qual Deus o criou e o levantou, assim como, a esposa também o tem, ou seja o de ser a sua idônea ajudadora, otermo submissaõ da Bíblia, significa se submeter a missão do outro, ou seja, ajudar no cumprimento da missão do outro, neste caso em específico, seria a mulher cooperar com o marido em seu sacerdócio no lar, no âmbito geral deste ministério inmterligado um ao outro, onde a plena harmonia de ambos, geraa bençãos sem medida a ambos, porém, o contrário também é real e verdadeiro.
 
 
O casamento foi instituido por Deus para que ambos suportassem todas as circunstâncias da vida juntos, lado a lado, e não, se confrontando um ao outro, se colocando como adversários um do outro, num relacionamento do qual se tornaram, ambos, uma só carne, isso, biblicamente falando. Tanto o sucesso, como o fracaso de um, é na realidade para ambos. Quando um casamento é desfeito por um motivo mesquinho e egocenrico de um dos lados, ou mesmo, dos dois, o fracaso é de ambos, e nunca de um só. Mesmo que em certos casos, pareça o contrário, mas, para Deus não. Pois para Deus, os dois eram um diante de seus olhos.
 
 
Agora, quanto aos maridos que são pregadores em pulpitos além do sacerdócio do lar, podemos observar a seguinte questão:
 
 
Muitas esposas de pregadores, hoje, gostariam de saber como ajudar seus maridos no ministério. Uma esposa pode erguer ou pode destruir seu marido. Como? Não se submetendo a ele, não orando por ele, criticando-o aos outros. Além destas, muitas outras coisas.
 
 
1. A coisa mais importante que você pode fazer por seu marido é orar. Ore por ele, ore por seu ministério, ore para ele suportar e vencer as pressões que estão sobre ele. Ore pela direção de Deus [na vida do seu marido].
 
 
Ore por ele sem cessar … “Orai sem cessar” (1 Tes 5:17 ACF).
 
 
2. Submeta-se a ele. Quando outras pessoas vêem você [amorosa, doce e entusiasticamente] se submeter a seu marido você está tornando o seu trabalho mais fácil. Você está sendo um exemplo para outras mulheres. “Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor” (Efésios 5:22 ACF)
 
 
“De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos” (Efésios 5:24 ACF).
 
 
“Semelhantemente, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra” (1 Pedro 3:1 ACF).
 
 
3. Seja-lhe fiel [fiel ajudadora, fiel ao juramento que lhe fez: “… com todas minhas forças: respeitar-lhe-ei, apoiar-lhe-ei, amar-lhe-ei, …, na alegria e na tristeza, …, até que a morte …”.] Seja-lhe fiel orando por ele, amando-o. “Da mesma sorte as esposas sejam honestas, não maldizentes, sóbrias e fiéis em tudo” (1 Timóteo 3:11 ACF)
 
 
Algumas vezes seu marido pode vir para casa desencorajado ou frustrado com o ministério. Você deve estar lá encorajando-o. “Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado” (Hebreus 3:13 ACF).
 
 
Encoraje-o de várias maneiras:
 
 
3.1. Mande-lhe um [amoroso/ edificante/ encorajador] cartão postal ou notinha (pode ser em papel ou por e-mail ou pelo correio convencional);
 
3.2. Faça para ele seu biscoito favorito. Embrulhe-os em um papel colorido, ou coloque-os em uma caixa bem bonita. Vá à igreja enquanto ele estiver fazendo visitas e deixe a caixa sobre sua escrivaninha com um cartão dentro. [Se você puder faça para ele um cartão com sua foto.] Não existe nada mais romântico do que um cartão feito pela própria esposa.
 
 
3.3. Surpreenda-o com uma programação para sair à noite. Se suas condições financeiras não estiverem boas para saírem [e jantarem fora ou fazerem algo que implique em despesa extra], então arranje alguém para ficar com seus filhos, faça o jantar preferido dele com todas as suas comidas preferidas [e gozem um bom tempo só os dois, ou saiam para um passeio romântico, para sentarem e conversarem à beira da praia, etc., algo romântico e prazeiroso, mesmo que não envolva grandes despesas].
 
 
3.4. Quando ele chegar, não o receba apresentando-lhe os problemas de casa. Dê- lhe tempo para “esfriar o motor” e recuperar-se dos seus problemas do trabalho :-). Encontre-o à porta com seu refrigerante preferido ou com uma xícara de café. E nunca se esqueça do [caloroso] beijo de boas-vindas!
 
 
3.5. A cada mês, presenteie-o com um livro de cupons de cortesias especiais, de modo que, de vez em quando, ele possa gastar um cupom e lhe pedir algo especial, tal como: “dê-me uma massagem nas costas”, ou “dê-me uma noite de especial e mútuo romantismo, ternura e cortesia”. [Pense em algumas coisas pequenas mas muito especiais, para colocar no livro de cupons. Certamente seu marido, mesmo que não escreva um livro físico, lhe surpreenderá perguntando: “E hoje, quer que lhe faça algo especial? Quer que eu cuide do canteiro de flores?”]
 
 
3.6. Coloque um bilhete em sua Bíblia [ou agenda ou lancheira] antes dele ir trabalhar. Ou, você pode colocar em sua Bíblia, no domingo de manhã, um cartão com uma nota dizendo: “Eu te amo”. Isto completará sua manhã :-).
 
 
A coisa mais importante de tudo é amá-lo!
 
 
“Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor. (1 Coríntios 13:13 ACF) Todas as vossas coisas sejam feitas com amor” (1 Coríntios 16:14 ACF).
 
 
Mostre a ele que você o ama.
 
 
Com tudo isto (e com tudo o mais do que você pode pensar [e por num papel, melhor do que eu]), você poderá ajudar a tornar melhor o ministério de seu marido. E, quanto mais feliz o seu marido for, mais feliz você também será.
 
 
E este processo pode e creio que deve ser o ofício de todo e qualquer filho de Deus, em relação a qualquer pessoa, até mesmo desconhecida pessoalmente por Ele, a partir do princípio bíblico de que somos todos pertencentes a um só corpo, o de Cristo , onde Ele é O Cabeça deste |Corpo espiritual. e se todos os membros cumprem fielmente a sua parte para com este Corpo, todos os outros membros irão, da mesma forma bem, todo o corpo vai bem...
 
Obs. Estudo de autor desconhecido...
e complementos em negrito... Pr. Élio Loiola

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!