' COMPREENDENDO MAIS O ANTIGO TESTAMENTO " Parte 2

28/12/2011 12:29

 

O Velho Testamento - Parte 2
 
O Dilúvio
 
De Adão até Noé se passaram cerca de 2000 anos. O mundo, separado de Deus, se corrompeu de tal maneira que Deus decide exterminar todos os homens por causa do pecado. Gn 6:5
 
Mas Noé achou graça aos olhos do Senhor. Não porque fosse bom ou perfeito, mas pela graça de Deus.
 
Deus ordena que ele faça uma arca ( Gn 6:14-16),  pois enviaria chuvas sobre a terra por quarenta dias e quarenta noites ( até então não havia chovido sobre a terra ). Noé obedece, faz a arca conforme Deus tinha ordenado e entra nela com sua esposa, seus 3 filhos suas esposas, além de 1 casal de cada animal que havia na terra.
 
Deus então envia o Dilúvio ( Gn 6:17-18 ) encerrando sobre as águas todo ser vivente. Mas Noé e todos que entraram na arca foram salvos.
 
A natureza de Noé era a mesma natureza pecaminosa de Adão e logo o homem começa a se envolver em pecado e corrupção, ( ex: Torre de Babel Gn 11:4 )
 
Os Patriarcas
 
Abraão
 
O homem ficou mais de 2000 anos afastado de Deus, de modo que já não conhecia mais a Deus. Apenas vestígios da revelação inicial de Deus haviam permanecido. Mas a partir da civilização que se formou após o dilúvio, Deus escolhe um homem, separa-o dos demais e começa a se revelar a ele.
 
Gn 12:1-4
"Ora, o Senhor disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. Eu farei de ti uma grande nação; abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome; e tu, sê uma bênção. Abençoarei aos que te abençoarem, e amaldiçoarei àquele que te amaldiçoar; e em ti serão benditas todas as famílias da terra. Partiu, pois Abrão, como o Senhor lhe ordenara, e Ló foi com ele. Tinha Abrão setenta e cinco anos quando saiu de Harã."
 
Estas promessas se cumprem em Jesus.
 
Abrão tinha nesse tempo 75 anos. Deus promete fazer dele uma grande nação, só que sua mulher Sarai era estéril.
 
Gn 15:1-6
"Depois destas coisas veio a palavra do Senhor a Abrão numa visão, dizendo: Não temas, Abrão; eu sou o teu escudo, o teu galardão será grandíssimo. Então disse Abrão: Ó Senhor Deus, que me darás, visto que morro sem filhos, e o herdeiro de minha casa é o damasceno Eliézer? Disse mais Abrão: A mim não me tens dado filhos; eis que um nascido na minha casa será o meu herdeiro. Ao que lhe veio a palavra do Senhor, dizendo: Este não será o teu herdeiro; mas aquele que sair das tuas entranhas, esse será o teu herdeiro. Então o levou para fora, e disse: Olha agora para o céu, e conta as estrelas, se as podes contar; e acrescentou-lhe: Assim será a tua descendência. E creu Abrão no Senhor, e o Senhor imputou-lhe isto como justiça."
 
O filho prometido
 
Abrão teve dois filhos um segundo a vontade humana ( Ismael ) e outro segundo a promessa de Deus ( Isaque ). Ele tinha 100 anos quando sua mulher deu a luz .      (Gn 21:1-8)
 
Durante este tempo o Senhor muda o nome de Abrão para Abraão ( pai de uma multidão e o de Sarai para Sara ( princesa ). Também a feita a aliança da circuncisão. (Gn17:1-11)
 
O sacrifício de Isaque
Gn 22:1-24
 
Quando Isaque era menino o Senhor ordena a Abraão que oferecesse seu filho Isaque em sacrifício a Ele. Mesmo sendo o filho da promessa, Abraão obedeceu. Ele cria que Deus era fiel e poderoso o suficiente para ressuscitar Isaque .
 
Deus porém, vendo a fé de Abraão, quando este já havia levantado a adaga para sacrificar seu filho, impediu o sacrifício, enviando um cordeiro para morrer em seu lugar.
 
Isaque 
 
Isaque cresceu e se casou com Rebeca, com a benção de seu pais. Ela também era estéril, pelo que Isaque orou insistentemente ao Senhor durante 20 anos, e ela concebeu gêmeos: Esaú e Jacó ( Gn 25:2-3;26)
 
Deus continua a se revela, agora a  Isaque.
 
Gn 26:2-5
"E apareceu-lhe o Senhor e disse: Não desças ao Egito; habita na terra que eu te disser; peregrina nesta terra, e serei contigo e te abençoarei; porque a ti, e aos que descenderem de ti, darei todas estas terras, e confirmarei o juramento que fiz a Abraão teu pai; e multiplicarei a tua descendência como as estrelas do céu, e lhe darei todas estas terras; e por meio dela serão benditas todas as nações da terra; porquanto Abraão obedeceu à minha voz, e guardou o meu mandado, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis."
 
Esaú era o primogênito, porém despresou sua primogenitura e Jacó a comprou por um guisado. ( Gn 25:28-34)
 
Quando Isaque estava para morrer, Jacó, orientado por rebeca ( por causa da amargura Gn 26:34-35) , se apresenta como Esaú para receber a benção de primogênito (Gn 27:1-46)
 
Gn 27:28-29
"Que Deus te dê do orvalho do céu, e dos lugares férteis da terra, e abundância de trigo e de mosto; sirvam-te povos, e nações se encurvem a ti; sê senhor de teus irmãos, e os filhos da tua mãe se encurvem a ti; sejam malditos os que te amaldiçoarem, e benditos sejam os que te abençoarem."
 
Esaú ficou furioso e procurava matar seu irmão (Gn27:41). Isaque então envia Jacó para Padã-Arã ( obediência-Gn28:7 )
 
Jacó
 
Deus continua a se aproximar e se revelar. Agora a Jacó
 
Gn 28:10-22
"Partiu, pois, Jacó de Beer-Seba e se foi em direção a Harã; e chegou a um lugar onde passou a noite, porque o sol já se havia posto; e, tomando uma das pedras do lugar e pondo-a debaixo da cabeça, deitou-se ali para dormir. Então sonhou: estava posta sobre a terra uma escada, cujo topo chegava ao céu; e eis que os anjos de Deus subiam e desciam por ela; por cima dela estava o Senhor, que disse: Eu sou o Senhor, o Deus de Abraão teu pai, e o Deus de Isaque; esta terra em que estás deitado, eu a darei a ti e à tua descendência; e a tua descendência será como o pó da terra; dilatar-te-ás para o ocidente, para o oriente, para o norte e para o sul; por meio de ti e da tua descendência serão benditas todas as famílias da terra. Eis que estou contigo, e te guardarei por onde quer que fores, e te farei tornar a esta terra; pois não te deixarei até que haja cumprido aquilo de que te tenho falado. Ao acordar Jacó do seu sono, disse: Realmente o Senhor está neste lugar; e eu não o sabia. E temeu, e disse: Quão terrível é este lugar! Este não é outro lugar senão a casa de Deus; e esta é a porta dos céus. Jacó levantou-se de manhã cedo, tomou a pedra que pusera debaixo da cabeça, e a pôs como coluna; e derramou-lhe azeite em cima. E chamou aquele lugar Betel; porém o nome da cidade antes era Luz. Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo e me guardar neste caminho que vou seguindo, e me der pão para comer e vestes para vestir, de modo que eu volte em paz à casa de meu pai, e se o Senhor for o meu Deus, então esta pedra que tenho posto como coluna será casa de Deus; e de tudo quanto me deres, certamente te darei o dízimo."
 
De enganador a enganado
 
Em Padâ , Jacó vai trabalha para Labão por causa de sua filha Raquel. Segundo um acordo entre os dois ele trabalharia 7 anos e receberia a mão de Raquel. Mas ao final deste período, Labão entrega Lia, sua outra filha. Jacó trabalha então mais sete anos por Raquel  e labão a entrega.
 
Os filhos de Jacó
 
Jacó teve 12 filhos , que formariam mais tarde a 12 tribos e Israel (Gn30:1-24)
 
Rubem 
Simeão
Levi
Judá
Naftali
Gade
Asser
Issacar
Zebulom
José
Benjamim
Israel
 
Deus diz para Jacó voltar a sua terra ( Gn31:13 ). E quando este ainda estava a caminho, vo vau do Jaboque, tem um encontro com Deus.
 
Gn 32:22-32
"Jacó, porém, ficou só; e lutava com ele um homem até o romper do dia. Quando este viu que não prevalecia contra ele, tocou-lhe a juntura da coxa, e se deslocou a juntura da coxa de Jacó, enquanto lutava com ele. Disse o homem: Deixa-me ir, porque já vem rompendo o dia. Jacó, porém, respondeu: Não te deixarei ir, se me não abençoares. Perguntou-lhe, pois: Qual é o teu nome? E ele respondeu: Jacó. Então disse: Não te chamarás mais Jacó, mas Israel; porque tens lutado com Deus e com os homens e tens prevalecido. Perguntou-lhe Jacó: Dize-me, peço-te, o teu nome. Respondeu o homem: Por que perguntas pelo meu nome? E ali o abençoou. Pelo que Jacó chamou ao lugar Peniel, dizendo: Porque tenho visto Deus face a face, e a minha vida foi preservada. E nascia o sol, quando ele passou de Peniel; e coxeava de uma perna."
 
Teve sua vontade quebrada. ( provavelmente tinha medo de Esaú )
Amou a benção novamente.
Deus mudou seu nome ( transformação ) de Jacó ( trapeceiro ) para Israel ( que luta comn Deus - campeão )
 
Ele segue enfrente e ao encontrar  Esaú é recebido com alegria. ( Deus preparou o caminho )
 
José
 
Jacó tinha um carinho especial por seu filho José , que tinha sonhos e visões. Isso provocou o ciúme de seus irmãos, que armaram um plano e o venderam como escravo aos midianitas e este foi levado ao Egito. Eles contaram a Jacó que José tinha sido devorado no campo.
 
Mas o Senhor cuidou de José no Egito, de forma que ele prosperava em tudo que fazia. Deus sempre concedia graça aos olhos dos seus senhores e ele prosperava (Gn34:4;21). 
 
José interpretava sonhos e um dia foi chamado perante Faraó, pois este estava inquieto com um sonho que tinha tido e não havia quem o explicasse.
 
José interpreta o sonho de faraó:
 
Gn 41:25-33
"Então disse José a Faraó: O sonho de Faraó é um só. O que Deus há de fazer, notificou-o a Faraó. As sete vacas boas são sete anos, e as sete espigas boas também são sete anos; o sonho é um só. As sete vacas magras e feias que subiam após as primeiras, são sete anos, como as sete espigas miúdas e queimadas do vento oriental: são sete anos de fome. Esta é a palavra que eu disse a Faraó: o que Deus há de fazer mostro-o a Faraó. Vêm sete anos de grande fartura em toda terra do Egito. Depois deles levantar-se-ão sete anos de fome, e toda aquela fartura será esquecida na terra do Egito, e a fome consumirá a terra. Não será conhecida a abundância na terra, por causa daquela fome que seguirá; porquanto será gravíssima. Ora, se o sonho foi duplicado a Faraó, é porque esta coisa é determinada por Deus, e ele brevemente a fará. Portanto, proveja-se agora Faraó de um homem entendido e sábio, e o ponha sobre a terra do Egito."
 
Vendo que nele habitava o Espírito de Deus, Faraó o coloca como governador de toda a terra do Egito, revestindo-o de autoridade e privilégios. (Gn41:38-40)
 
Tudo isso foi parte de um plano de Deus. José , como autoridade sobre toda a terra do Egito, manda buscar seu Pai Israel e todos o seus para lá habitarem com segurança e fartura.
 
Gn 46:3-4
"E Deus disse: Eu sou Deus, o Deus de teu pai; não temas descer para o Egito; porque eu te farei ali uma grande nação. Eu descerei contigo para o Egito, e certamente te farei tornar a subir; e José porá a sua mão sobre os teus olhos."
 
Deus usou o Egito como uma proteção para os filhos de Israel. Ali eles estavam livres de povos inimigos e da fome, podendo crescer e se fortalecer. Cerca de 70 pessoas fora mulheres desceram para o Egito. E foram preservados  ali por Deus aguardando nas ultimas palavras de José:
 
Gn 50:24
"Depois disse José a seus irmãos: Eu morro; mas Deus certamente vos visitará, e vos fará subir desta terra para a terra que jurou a Abraão, a Isaque e a Jacó."
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!