"APRISIONADOS" - Sábado

01/07/2011 14:53

 Na prisão

ATOS 16.19-26


Por volta da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam louvores a

Deus, e os demais companheiros de prisão escutavam. (At 16.25.)

Prisão é lugar de tristeza,

De dor, de limitação.


Na prisão, a noite é escura,

O dia é frio também.

Na prisão, a esperança

Parece bem longe estar,

Perto parece a angústia, o desprezo, a humilhação.

Os amigos que fogem, distantes,

Para trás nem querem olhar,

Não querem se condoer,

Nem ao menos se comprometer

Com a dor, com o encarceramento

De quem livre tem só o pensamento.

Mas até na prisão Deus está

Para abençoar e salvar

Quem a ele quiser se entregar.


Paulo e Silas estavam em Filipos. E lá, no nome de Jesus, repreenderam e

expulsaram um demônio adivinhador que possuía uma jovem filipense. Então

os dois pregadores foram presos e condenados a receber vários açoites com

varas. Com as vestes rasgadas e as costas feridas pela tortura que sofreram, estavam

agora com os pés e as mãos presos no tronco. Nem ao menos podiam se

mover. Mas não reclamavam de nada. Pelo contrário, rendiam graças a Deus

em cânticos de louvor e oravam pelos companheiros de prisão.


Era meia-noite, quando um terremoto sacudiu os alicerces do cárcere.

Abriram-se todas as portas e soltaram-se as cadeias de todos. Vendo a situação

e pensando que os presos tivessem fugido, o carcereiro tomou da espada

para se matar. Paulo, porém, lhe disse: Não faças tal, que aqui estamos todos.

Ninguém havia fugido. Haveria um lugar mais seguro para se estar do que na

presença do Deus poderoso de Paulo e Silas? E naquela noite, o carcereiro e

toda a sua família receberam a Cristo. E foram todos batizados.


Não há prisão que possa reter o poder do amor e do perdão transformador

de Deus, vindo ao encontro do homem. E em meio aos louvores

que sobem dos cárceres, os céus descem à terra. Rompem-se as algemas das

limitações, e Deus opera. Experimente!


Pai, contempla agora os que estão encarcerados. Visita-os

com o teu toque de amor e paz. E aos que estão livres fisicamente,

mas presos a vícios e pecados, traz libertação plena. Em

nome de Jesus Cristo. Amém.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!