" APRENDENDO A VIVER A VIDA CRISTÃ NA PRÁTICA DIÁRIA, ATRAVÉS DOS SÁBIOS CONSELHOS DOS PROVÉRBIOS BÍBLICOS. " SEXTA FEIRA

31/05/2019 11:53
Provérbios 31:13
 
 
Busca lã e linho e de bom grado trabalha com as mãos.
 
 
Uma mulher virtuosa não está numa posição que não tenha que sujar as mãos e trabalhar muito em serviços manuais. Ela não tem nenhuma ilusão ou pretensão a respeito do seu papel. Ela sabe que a produtividade e a riqueza começam com as suas mãos, não com a sua boca. Apesar de ser capaz de usar o seu cérebro para alavancar seus bens e o seu trabalho, ela não tem duvida alguma quanto a adicionar a sua parcela de transpiração em prol do patrimônio familiar. Que cada mulher preguiçosa ou paparicada se humilhe diante da sabedoria de Deus.
 
Temos aqui as características de uma mulher perfeita, que o Rei Lemuel aprendeu de sua mãe para encontrar uma grande companheira (Gn 31:1,10). As mulheres precisam entender que foi justamente uma mulher quem escreveu esta elevada descrição (Pv 31:10-31). No caso dela considerar que o objetivo é muito difícil de atingir, que as características deixam a desejar em termos de atrações suficientes, ou que elas dão muita ênfase à mulher como sendo a adjutora do seu marido. Deus fez a mulher para o homem, e aprender esta lição é o primeiro passo para se tornar uma grande mulher (Gn 2:18; 3:16; ICo 11:9).
 
Uma mulher virtuosa não precisa que tudo seja feito para ela. Ela busca a matéria prima para fazer coisas úteis ou valiosas para a sua família. Ela é uma trabalhadora disposta - alegre e contente; e ela tem iniciativa para trabalhar muito por si só. Ela não precisa ser cutucada. Ela vê uma necessidade e ela regaça as suas mangas e ataca o projeto. Ela não espera que o marido o faça por ela depois do seu trabalho; ela termina o projeto para passar o anoitecer junto dele!
 
Uma mulher paparicada esvoaçando entre um cafezinho, a sua leitura e as suas pinturas viola Deus e as mulheres. Isto não é encontrado na palavra de Deus ou em qualquer sociedade. Deus fez a mulher para trabalhar, e realizam suas principais tarefas fazendo bom uso do seu tempo. Toda mulher cristã deve se certificar que é uma mulher mais virtuosa do que a mulher vitoriana. Sendo uma "mantenedora em casa" não tem nada a ver em levar a vida na flauta e fazer do seu marido o único ou o principal trabalhador da família.
 
Algumas mulheres acreditam que as coisas estão difíceis quando tem que levantar com o seu marido e ainda realizar um dia de trabalho enquanto o seu marido está no serviço. Elas preferem acordar tarde, determinando o ritmo de algumas obrigações, atendendo ao telefone, surfando na internet, lendo um livro, frequentando uma academia, fazendo as unhas, e então pedir ao seu marido que traga a comida para o jantar em casa. É triste ter que dizer que muitas são chamadas de mulheres cristãs! Grandes mulheres trabalham tanto quanto ou mais do que os seus maridos, e elas concordam e agradecem a Deus por isso.
 
Numa gloriosa busca de uma mulher para Isaque, o servo de Abraão encontrou a bela Rebeca buscando água no poço (Gn 24:15-16)! O que dizer a respeito da sua aula de violino? Esqueça! Como é que ele a avaliou? Ele esperou para ver se ela graciosamente se ofereceria para tirar água para os seus camelos (cada um deles bebe 70 litros em 10 minutos!). O que ela fez? Correu para atender rapidamente esses animais sedentos (Gn 24:18-20)! Isaque tirou a sorte grande! Se você pensa que isso era uma exceção, então leia onde foi que Jacó descobriu a sua Raquel (Gn 29:9-18)!
 
Meninas vaidosas podem viver e morrer solteiras além de serem preguiçosas, ou elas podem sonhar a respeito de um efeminado homem rico que as paparicará como bonecas para sempre. Casamento não é para a mulher encontrar o "trem da alegria" que permita que ela leia, faça compras e tire sonecas na maior parte do dia antes de convencer o seu marido para trazer o jantar. O casamento foi feito para o homem encontrar uma amante que o ajudará a formar uma família e um patrimônio, gerando filhos e trabalhando bastante!
 
A igreja é a noiva do Senhor Jesus Cristo, o Rei da glória. Seu Pai não escolheu a Sua noiva, nem Jesus morreu por ela, para que ela tivesse uma vida de lazer. Aqueles que fazem parte da família de Deus foram escolhidos para servir e trabalhar com o objetivo de glorificar a Deus e ajudar uns aos outros (Mt 20:25-28; Rm 14:8; ICo 10:31-33; IICo 5:13-15; 12:15). Cristão santo, com quanta alegria e vigor você trabalhou neste dia para agradar o seu Esposo?

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!