" APRENDENDO A VIVER A VIDA CRISTÃ NA PRÁTICA DIÁRIA, ATRAVÉS DOS SÁBIOS CONSELHOS DOS PROVÉRBIOS BÍBLICOS. " - SEGUNDA FEIRA

06/08/2018 10:47
Provérbios 6:13
 
 
Acena com os olhos, arranha com os pés e faz sinais com os dedos.
 
 
Pessoas más geralmente escondem perversas intenções atrás da linguagem sutil do corpo. Ao invés de declarar seus maus objetivos e serem rejeitados como perigosos, eles usam de métodos dissimulados e indiretos para o mal. Um homem sábio aprenderá a reconhecer estes hipócritas e mentirosos, mesmo que eles se esforçam por encobrir os seus desígnios malignos. Todo homem nobre e virtuoso deve rejeitar tais métodos secretos e fazerem plenamente conhecidas as suas intenções piedosas.
 
Este provérbio é precedido e seguido por outros que indicam que o assunto é uma pessoa má, maliciosa e perversa (Pv 6:12,14). Isto não é um piscar, movimento dos pés, ou ensino com dedos comuns. O contexto requer que esses movimentos sejam partes de um repertório em comunicação dos pensamentos de um homem petulante a outras pessoas. Aqueles que sabiamente usam o piscar de olhos, os movimentos dos pés ou apontar para determinadas coisas não precisa temer nada deste provérbio.
 
Pessoas perversas são controladas pela loucura e pelo mal que abunda em seus corações (Pv 6:14). Eles não conseguem parar os seus pensamentos e ações pecaminosos (Pv 6:14). Eles falam com uma boca petulante ou arrogante e rebelde (Pv 6:12). Eles constantemente operam o seu vil negócio de semear a discórdia (Pv 6:14). Eles não conseguem descansar se os outros estiverem em paz, pois estão sempre em guerra (Sl 55:21; 120:7). Boca, olhos, pés e dedos trabalham numa única direção - para defraudar os outros.
 
Judas traiu o Senhor Jesus Cristo - com um beijo (Lc 22:47-48). Os ferimentos causados por um amigo são melhores do que tais beijos. As mulheres prostituidas não afirmam que são prostitutas - elas comunicam suas intenções com os seus olhos, suas roupas e os movimentos do seu corpo (Pv 6:25; Is 3:16-23). Crianças rebeldes rodam seus olhos para os seus pais ao invés de amaldiçoá-los verbalmente, mas Deus leva em consideração as duas ações como sendo igualmente vis (Pv 20:20; 30:17).
 
Este provérbio lhe ensina a identificar as pessoas perversas pelas suas bocas arrogantes e pela linguagem sutil do corpo, de forma a poder evitá-los e não se tornar uma vítima de suas más intenções e sutis comunicações, e saber que Deus brevemente os julgará sem possibilidade de recurso (Pv 6:15). O santo e abençoado Deus do céu odeia tais homens (Pv 6:15-19). Fique longe desses homens perigosos, ou eles lhe devorarão quando isso servir aos interesses deles (Pv 10:10; Sl 35:19).
 
Este provérbio também ensina você a ser direto, honesto e virtuoso em palavras e ações. O modo de falar e a linguagem de corpo de um homem justo devem ser totalmente diferentes das cobras más acima descritas. Suas palavras devem ser claras, concisas, nobres e corretas. Suas ações devem ser abertas e honestas sem segundas intenções ou mesmo da aparência delas. Que o seu olhar seja sóbrio e constante, sem piscadelas. Que os seus pés sejam usados só para andar. E deixe que os seus dedos somente apontem com justiça à vista de todos os homens.
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!