" COM O SACRIFÍCIO DE CRISTO POR NÓS, O JUGO E O FARDO PESADO QUE NÃO PODERIAMOS CARREGAR, FOI SUBSTITUÍDO PELO DELE QUE É LEVE E SUAVE, E COM SUA GRAÇA PODEMOS SEMPRE SUPORTAR " - Parte 1

08/07/2014 08:24

O Preço da Juventude Cristã – Parte 1

Eclesiastes 11.9-10

INTRODUÇÃO:

A Bíblia relata muitos exemplos jovens que foram servos de Deus, como: Davi, José, Daniel, Samuel, Josué, Timóteo e Jeremias. Frequentemente nos prendemos a seus exemplos, porém, não podemos esquecer que eles pagaram um preço muito alto para viverem na presença do Senhor. No tempo destes jovens não era tão diferente, o que é pecado hoje sempre foi pecado e eles também foram muito tentados. Aliás, naquela época tempo a perseguição era muito maior porque nós vivemos o tempo da graça e numa sociedade livre.

Há um preço para ser um jovem de Deus, num mundo que tem tantas coisas ‘boas’ para nos oferecer. A Palavra diz que seríamos odiados por causa do nome do Senhor (Mateus 10.22), mas devemos tomar a nossa cruz, perder essa vida terrena para ganhar a vida eterna (Marcos 8.34-38) porque no mundo temos aflição, mas temos bom ânimo porque Deus venceu o mundo (João 14.1). Tudo que tem um preço tem uma recompensa, por isso sabemos que embora seja difícil para um jovem, vale a pena servir a Deus.

Você está disposto a pagar o preço?

Vamos refletir sobre as recompensas de servir a Deus na juventude:

1- ALEGRIA: v.9ª “alegra-te jovem na tua juventude”

Alegria e disposição para viver é uma característica marcante dos jovens. Onde se encontram um grupo de jovens, há animação e alegria. Depois que vem para a igreja, cria-se o mito de que o jovem crente tem que ser carrancudo, sabidão, ou ‘o santão’ e sempre com ar de que é melhor que os outros. Mas não é bem assim. O jovem que conhece a Jesus é alegre e bem disposto, sempre simpático.

A diferença é a fonte desta alegria. A alegria do jovem cristão não é a mesma do mundo, “porque a alegria do Senhor é a nossa força” (Neemias 8.10). A Igreja precisa de alcançar a juventude para dar alegria e força na obra de Deus “porque sois fortes, a palavra de Deus permanece em vós e tendes vencido o maligno” (I João 2.14). Muitas vezes vemos jovens fracos e sendo vencidos pelo mundo porque têm prazer nas coisas do mundo, mas quando a alegria do jovem é a alegria do Senhor, ele vence o mundo tendo uma alegria e uma paz duradoura (João 14.27).

Jovem: alegre-se em Deus e não no mundo!

2- PRAZER: v.9b“recreie-se o teu coração dias da tua mocidade”

No mundo moderno, oportunidade para recreação e diversão é o que não falta. Temos sido bombardeados por propostas de distração vindas do mundo. O mercado do entretenimento é um dos que mais crescem a cada dia. O jovem é o alvo disto tudo porque é importante para o jovem o se divertir e a recreação faz parte da mocidade.

Ao dizer “recreie-se o teu coração”, poderia ser traduzido na linguagem popular como ‘curtir a vida’. Mas o que é curtir? A palavra curtir significa suportar, padecer, sofrer, calejar, maltratar, envelhecer ou apodrecer. Um couro curtido foi envelhecido. Por isso muitos jovens que extravasam com exageros na sua mocidade, quando não terminam sua existência prematuramente , absorvem doenças ou envelhecem cheios de problemas.

Quem disse que servir a Deus é algo desgostoso? Quando conhecemos a Jesus aprendemos a recrear diferente, uma reação duradoura e que fortalece e não nos ‘curte’ apenas. Passamos a ter “prazer na lei do senhor e na sua lei medita de dia e de noite” (Salmos 1.2). Precisamos aproveitar bem a juventude. O prazer de servir a Deus é maior que qualquer outra adrenalina ou emoção que nada neste mundo pode proporcionar.

Jovem: busque prazer em Deus!

3- FUTURO: v.9c“anda pelos caminhos”

Jesus é o “caminho, a verdade e a vida” (João 14.6) por onde devemos andar, conhecer e viver. Os caminhos e os pensamentos do mundo não são como os caminhos e os pensamentos do Senhor, “porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos e nem os meus caminhos os vossos caminhos diz o Senhor” (Isaías 55.8). Por isso o jovem feliz é “bem aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores” (Salmos 1.1). O andar do jovem que serve a Deus é na presença de Jesus, por isso está sempre satisfeito.

O futuro pertence a Deus e a ninguém é dado conhecer o que acontecerá nem daqui a um segundo. Mas o jovem que se rende à vontade de Deus, tem uma vida de sucesso e bênção. Não adianta projetar um caminho de sucesso para o futuro se faltar a presença de Deus que estabelece todas as coisas (Salmos 119.9).

Jovem: seu futuro está nas mãos de Deus!