" O CASAMENTO É O COMPLEMENTO DE UM SER PARA COM O OUTRO - QUANDO ESTA INSTITUIÇÃO É DIRIGIDA TOTALMENTE POR DEUS - O SEU CRIADOR " Parte 12

27/02/2012 11:54

 

O PADRÃO DIVINO PARA A EDUCAÇÃO DOS FILHOS.  Parte 12
 
 
OBJETIVO: Mostrar a urgência dos pais ensinarem seus filhos dentro dos padrões bíblicos com amor e brandura, para que eles possam aprender a amar a Deus.
 
MEMORIZAR: Instrui ao menino no ca­minho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele "Prov. 22:6 .
 
Texto Bíblico: Ef: 6:1-9 ; 1 João 2 :14-17
 
Um dos maiores problemas de nossa época, é o da educação dos filhos.
 
Todas as tarefas são árduas, mas educar os filhos, se constitui neste tem­po presente, a mais árdua de todas. Bons eram os tempos passados, quando a sociedade não vivia precionada por essa avalanche de inovações e descuramen­to dos valores éticos, que naqueles dias eram conservados e transmitidos gera­ção após geração, e as famílias viviam em torno do lar, e todos propugnavam pela tradição e pelos bons princípios morais que a sociedade exigia.
 
Hoje, infelizmente, temos que admitir, a sociedade está corrompida, a tradição familiar desprezada, os valores morais conspurcados, e os lares acéfalos, onde nem pais e nem filhos se conhecem c se respeitam.
 
Vivemos hoje uma época de desagregação.
 
Isto porque o mais importan­te de todos os valores que o homem possui, sua dignidade como criatura de Deus, e sua comunhão com o Criador, foram relegados a um plano secundá­rio, e ninguém mais quer assumir o papel que lhe foi confiado, ser pai ou mãe, ou reconhecer que é filho e que precisa obedecer, respeitar e amar alguém.
 
Há porém uma esperança para aqueles que desejam viver pela Palavra de Deus.
 
Essa esperança está fundamentada na graça inspiradora que o Espí­rito Santo dá aos que desejam ver seus filhos nos santos caminhos do Senhor.
 
O preço todavia é caro.
 
É o preço da humilhação aos pés de Cristo, da obediência à Palavra de Deus, da renúncia, da paciência, da dedicação esmera­da e contínua, dos pais para com os filhos, mesmo aqueles que se rebelaram contra o lar, e com aqueles que ainda podem ser ensinados a servirem a Cristo e viverem como verdadeiros cidadãos, em meio a esta sociedade corrupta e desvairada de hoje.