Um rapaz da igreja evangélica morreu afogado, neste domingo, depois da cerimônia de batismo no rio Mogi-Guaçu, em Barrinha, à 347 Km de São Paulo.

Segundo testemunhas, Samuel de Lima, de 19 anos, junto com mais quatro pessoas tinha sido batizado e logo depois da cerimônia, três deles resolveram nadar no rio.

Minutos depois somente três voltaram. A filha do pastor da igreja contou que a vítima havia ficado noivo havia pouco tempo e frequentava a igreja há pouco mais de um ano.

O corpo só foi encontrado pelos bombeiros três horas depois do ocorrido.

Agora a polícia vai abrir inquérito para investigar o caso de Samuel.