"MEDITANDO DIA E NOITE A PALAVRA"

25/07/2011 10:37

 Ler para Compreender

Quando os saduceus interrogaram Jesus acerca da ressurreição, ele respondeu que eles erraram na sua doutrina porque não conheceram “as Escrituras, nem o poder de Deus” (Mateus 22:29). Para corrigi-los, ele começou dizendo: “Não tendes lido o que Deus vos declarou...?” (Mateus 22:31). Muitos alegam que a Bíblia é difícil demais para entender.

Pensando assim, acabam errando da mesma maneira que os saduceus, seguindo suas próprias idéias e doutrinas de homens ao invés de dar à Bíblia a atenção e estudo honesto que Deus requer.

A verdade é que o Senhor revelou sua palavra justamente para ser entendida por todos que honestamente o buscam, não importa a inteligência ou nível de escolaridade. O costume de Jesus era de ensinar com simplicidade. Assim, ele falava por meio de parábolas, “conforme o permitia a capacidade dos ouvintes” (Marcos 4:33). Ele queria que os homens entendessem a sua doutrina!

Depois da morte e ressurreição de Jesus, Deus continuava revelando sua palavra através dos apóstolos e profetas (Efésios 3:5). O apóstolo Paulo mostrou a facilidade com que os irmãos em Éfeso poderiam ganhar entendimento, dizendo “quando ledes, podeis compreender o meu discernimento do mistério de Cristo” (Efésios 3:4). Por isso, ele mandou que eles provassem sempre “o que é agradável ao Senhor” (Efésios 5:10), e que procurassem “compreender qual a vontade do Senhor” (Efésios 5:17). Estas coisas não seriam possíveis se a palavra fosse difícil demais para ler e entender!

O fato de existirem muitas seitas, doutrinas e interpretações não deve nos desanimar em relação à verdade pura que se revela na palavra de Deus. O

apóstolo Pedro avisa que como “surgiram falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos mestres”, e que “os ignorantes e instáveis deturpam...as...Escrituras, para a própria destruição deles” (2 Pedro 2:1, 3:16). Isto deve nos incentivar a sermos mais zelosos na leitura e estudo para entender a palavra de Deus, a fim de sermos por ele aprovados

(veja 2 Timóteo 2:15)!