"CUIDANDO DA SAÚDE ESPIRITUAL"

15/08/2011 09:31

 DICAS PARA A SAÚDE ESPIRITUAL DO HOMEM

Parte 1

Pr. Josué Gonçalves

__1__

Cultive a comunhão vertical e horizontal.

"Mas se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado". (1 Jo 1:7)  A comunhão é um prazer que se constrói na proporção que vamos caminhando na luz. Quanto mais o homem se aproxima de Deus, melhor ele compreende o seu próximo. Os que andam na luz conseguem olhar para o outro na perspectiva divina. Observe que as pessoas com uma espiritualidade sadia conseguem se relacionar com os diferentes sem crise. Preconceito, racismo, pré-julgamento são evidencias de um coração que ainda não compreendeu o que significa andar na luz.

__2__

Ouça, leia e pratique as Escrituras, é uma necessidade vital do homem interior.

"Portanto todo aquele que ouve estas minhas palavras e as pratica, será  semelhante ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha". (Mt 7:24) Tudo o que o homem precisa saber para ser espiritualmente sadio, pode ser encontrado no Sermão da Montanha. O conteúdo de todo o Sermão, são princípios para a construção de um projeto de vida segundo a vontade de Deus. Jesus afirmou através de uma parábola: "Se vocês ouvirem e praticarem o que estou ensinando, podem ficar tranqüilos, ainda que venha a tempestade e sopre os ventos esta casa não vai cair, pois foi edificada sobre a rocha". Lembre-se, não bastar ouvir ou ler, o segredo está em praticar.

 

__3__

Tenha uma vida de oração disciplinada..

"Ora, quando Daniel soube que a escritura estava assinada, entrou em sua casa, no seu quarto em cima, onde estavam abertas as janelas para o lado de Jerusalém, e três vezes no dia se punha de joelhos, orava e dava graças, diante do seu Deus, como também antes costumava fazer.". (Dn 6:10)  Quatro razões porque o deve cultivar uma vida disciplinada de oração: 1) A oração é o termômetro que mede a nossa  vida espiritual. 2) A oração aprofunda a nossa comunhão com Deus. 3) A oração é a forma mais sublime de adoração, por isso, quem não ora ainda não aprendeu a adorar. 4) A oração faz com que o cristão seja corajoso, ousado, paciente, determinante e sobre tudo, santo.  Nada gera mais temor em nós do que a Palavra de Deus e a oração. Do início ao fim da vida de Daniel em Babilônia, vemos um homem que fez toda a diferença como sal e luz naquela terra (Mt 5:13,14)

__4__

Tenha sempre um parceiro de oração.

"Pedro e João subiam juntos ao templo à hora da oração, a nona". (At 3:1) Quando duas pessoas se unem com o propósito de orar, essa unidade movida pela oração tem implicações no mundo espiritual que vão além da nossa capacidade de dimensionar. É sempre bom ter pessoas que ajudam a nutrir sua fé e que sabem servir o amigo em tempo de crise. A Bíblia diz que o cordão de três dobras não se quebra com facilidade (Ec 4:12).

__5__

Seja um adorador que mantém o coração conectado com o Senhor da qualidade de vida - Jesus.

"...adorai ao Senhor na beleza da sua santidade". (2 Cro 16:29b) Quem ainda não aprendeu a adorar, nunca experimentou uma espiritualidade sadia. É na adoração que o homem reconhece a sua pequenez diante da grandeza do seu Senhor. É na adoração que o homem deixa vazar seu sentimento de gratidão. É na adoração que o cristão afirma que Jesus é o Senhor de sua vida.  Davi como um homem segundo o coração de Deus, sabia o valor e o significado da adoração. Foi ele quem disse: "Ó, vinde, adoremos e prostremo-nos; ajoelhemos diante do Senhor que nos criou". (Sl 95:6) "Exaltai ao Senhor nosso Deus e adorai-o no seu monte santo, pois o Senhor nosso Deus é santo". (Sl 99:9)

__6__

Mantenha seu compromisso com uma vida de santidade.

 "Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação;..." (1 Ts 4:3) A falta de compromisso com santidade, é um forte sintoma de que a vida espiritual não vai bem. O cristão deve crescer em santidade, este é o propósito da ação do Espírito Santo em nossas vidas. Sem santidade ninguém verá o Senhor (Hb 12:14). Foi Jesus quem disse: "Bem-aventurados os puros de coração, porque eles verão a Deus". (Mt 5:7) Deus é santo, por isso tudo o que se relaciona com Ele deve ser santo, inclusive eu e você. (1 Pe 1:16) Quando Isaias contemplou a pureza absoluta da santidade de Deus e do seu caráter, brotou nele uma convicção esmagadora da sua própria impureza (Is 6:5). Espiritualidade sadia deve se manifestar pelo desejo intenso de viver uma vida em santidade crescente.

__7__

Diga sempre não ao pecado, ele é a principal causa da estagnação e perda da vitalidade espiritual.

 "Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências". (Rm 6:12) O pecado é a principal causa da estagnação e perda da vitalidade espiritual. Pecado é tudo aquilo que compromete a  sua comunhão com Deus, com o corpo de Cristo que é a igreja e estagna a sua vida espiritual. Está escrito: "Mas as vossas iniqüidades fazem divisão entre vós e o vosso Deus, e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça" (Is 59:2). O apóstolo Paulo preocupado com a vida espiritual da igreja em Roma, escreveu: "Pois sabemos isto, que o nosso velho homem foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, a fim de não servirmos mais ao pecado; ..." (Rm 6:6)

__8__

Procure cultivar sempre uma vida permeada pela presença de Deus.

"Uma coisa pedi ao Senhor, e a buscarei: que possa morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor, e aprender no seu templo". (Sl 27:4) Quando falo em vida permeada pela presença de Deus, isto pode ser traduzido em devoção à Escritura, intimidade em oração e em comunhão com os santos. A presença de Deus deve se manifestar em tudo aquilo que fazemos para o louvor e glória do seu nome.