" A QUE REINO PERTENCEMOS VERDADEIRAMENTE? "

11/09/2011 14:00

 Terreno, ou celestial?

 

Que enquanto estamos neste tabernáculo saibamos viver em Deus de verdade!  Eu quero que você seja salvo da perniciosa influência humana que tem invadido a igreja e está destruindo muitas pessoas sinceras.  Que você não seja uma delas! 

Deus formou Adão do pó da terra de modo que ele foi terreno com condição de espírito.  “Então formou o Senhor Deus ao homem do pó da terra, e lhe soprou nas narinas o fôlego da vida, e o homem passou a ser alma vivente” (Gênesis 2:7)O apóstolo Paulo refere a isso, dizendo: “O primeiro homem, Adão, foi feito alma vivente” (1 Coríntios 15:45) ele foi feito “homem natural”, “terreno, formado da terra” (v46,47).  Eu sei que “o Senhor Deus andava no jardim” (Gênesis 3:8) com Adão, pois ele for formado “conforme a semelhança” de Deus (Gn. 1:26) com a condição de ouvir e também falar com Deus que é Espírito, mas Adão foi terreno. Observe: Adão foi terreno.  Por isso, ele abandonou, rejeitou, sua condição com Deus, e passou a viver por conta própria na morte (sem espírito) segundo a alma como os animais. 

É claro que Deus não podia se contentar com isso, e assim, Ele colocou em andamento o Seu plano (preparado “antes da fundação do mundo” - Efésios 1:4) para salvar o homem – eu e você – da morte eterna em que nascemos por causa da rebeldia de Adão. Deus não quer que você continua vivendo segundo os valores da terra como o primeiro homem, Adão.  Por isso lemos: “Nestes últimos dias (Deus) nos falou pelo Filho a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, pelo qual também fez o universo. Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser, sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade nas alturas” (Hebreus 1:2,3). Jesus veio ao mundo não para reformar você, terreno como Adão, mas para fazer com que você pudesse “nascer de Deus” (João 1:13). Assim, Jesus disse a Nicodemos: 

“O que é nascido da carne, é carne (terreno); e o que é nascido do Espírito, é espírito (celestial). Não te admires de eu te dizer: Importa-vos nascer de novo” (João 3:6,7).  É por isso que o apóstolo Paulo disse: “O último Adão (Deus em forma humana - Filipenses 2:7) é espírito vivificante. O primeiro homem formado da terra, é terreno; o segundo homem é do Céu.  Como foi o primeiro homem, terreno, tais são também os demais homens terrenos; e como é o homem celestial (Jesus) tais também os celestiais” (1 Coríntios 15:45,47,48).  E então Paulo disse: “Isto afirmo, irmãos, que carne e sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção” (v.50).  É sobre o  “herdar o reino de Deus” que quero falar com você.  O que é que Paulo está dizendo?  

É fato que, Adão que foi formado do pó da terra, terreno, com condição de espírito conforme a semelhança de Deus, não podia agradar a Deus, e herdar o reino. O reino de Deus é espíritual, não natural. e “o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe são loucura; e não pode entendê-las porque elas se discernem espiritualmente” (1 Coríntios 2:14).  Por isso Jesus veio à terra para mudar radicalmente, todo aquele que é terreno como Adão.  O evangelho faz com que todo aquele que crê em Jesus, se torne espírito, tendo ”a natureza divina” (2 Pedro 1:4), “Somos feitura de Deus, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas.” (Efésios 2:10). “Assim como trouxemos a imagem do que é terreno, deveremos trazer também a imagem do celestial” (1 Coríntios 15:49).  O que cada um de nós que cremos, necessita entender é que, somente podemos “herdar o reino de Deus” em virtude de termos nascidos de Deus (João 1:13), pois nada que nós fazemos tem valor diante de Deus.  Por ser espírito, o novo homem “se refaz para o pleno conhecimento, segundo à imagem daquele que o criou” (Colos. 3:10), e, todo dia, o novo homem se renova “no espírito do seu entendimento” (Efésios 4:23), ou seja, ele não vive segundo seus próprios pensamentos, mas segundo o entendimento que Deus lhe dá em seu espírito.  Só isso é Vida. 

A Cada dia que nasce, temos que fazer o possível para que nós que somos chamados cristãos entendamos  a grandeza do novo nascimento no Espírito. Nós necessitamos viver segundo o Espírito, e não segundo os ensinamentos de homens terrenos religiosos que utilizam a televisão   e outros meios de comunicação como meio de vida ( com raras exceções), e assim, vão enganando e sendo enganados,  porque “o destino deles é a perdição, o deus deles é o ventre, e a glória deles está na sua infâmia; visto que só se preocupam com as coisas terrenas” (Filipenses -  3:19). Foge deles irmão. É pelos nossos valores e interesses que nós mostramos se somos terrenos como Adão ou espirituais, criado na imagem de Jesus.