'" CRISTÃOS CONTENTES" - Quinta-feira

08/06/2011 14:21

 

                                   Cristãos contentes


                                  Leia: Filipenses 4:10-20 

                                   Há alguns anos, recebi de um amigo uma preciosa lição sobre o                                      contentamento. Nosso primeiro contato não foi nada agradável.                                    Ele estava numa cama fazia treze anos, sem condições de fazer                                    qualquer movimento. A esposa tinha que fazer tudo por ele.                                          Numa das visitas, perguntei-lhe como conseguia suportar tal                                          condição. Disse-me: "O Senhor tem sido bom para mim. Deu-me                                    o espírito do contentamento. Nos primeiros anos de minha i                                            mobilidade, eu vivia todo o tempo amargurado e me                                                        perguntava: ´Por que logo eu?´ Agora, porém, minha pergunta                                      é: `Por que não eu?´" Citou então as palavras do apóstolo                                            Paulo: "Aprendi a estar satisfeito." 

                                  Uma senhora de nossa igreja está em condições semelhantes,                                       nunca, porém, ouvi de sua boca a menor reclamação ou revolta.                                     É, pelo contrário, uma mulher alegre, que dá real testemunho de                                   sua fé. Mesmo os cristãos mais fiéis podem passar por                                                   provações. Viver contente diante das limitações e da escassez                                       não é uma virtude automática na vida dos filhos de Deus. O                                           próprio apóstolo Paulo teve de aprender essa lição, depois de                                       passar por muitos sofrimentos. E esse contentamento não vem                                     pela nossa vontade. Ele é um dom de Deus, é uma prova da                                           graça divina se manifestando em nossa vida. 

                                  Pense: 
                                  Contentamento não é conformismo, mas ser grato e feliz com o                                     que se tem, enquanto se luta por melhores dias. 

                                  Ore: 
                                  Senhor, tua graça é maior que a vida, que os bens materiais, que                                   a fartura e que os desejos, nem sempre tão nobres. Que                                               possamos dizer sinceramente que, mesmo nos tempos difíceis, a                                   tua graça nos basta. Amém. 

                        

                           Postado por Elio loiola