" CUIDADO COM O JULGO DESIGUAL! VOCÊ JÁ DISCERNIU ISTO" Parte 4

17/08/2011 11:55

 Namoro e Noivado - 4

Que sociedade? Que harmonia... ? Que união...?

Autor(a): Pr. Jaime Kemp

 

Em Números 14:18, encontramos um princípio eterno de Deus. Nossas fraquezas, a desobediência, nossos pecados, serão transmitidos aos nossos filhos.
Conheço muito de perto uma família que ilustra estas palavras. A avó nunca aprendeu a ser submissa ao seu marido. Era uma pessoa agressiva, dominante e suas duas filhas, não tendo o exemplo de uma mãe submissa, tiveram problemas em seus casamentos. Uma delas teve quatro filhas, das
quais três são divorciadas. Casaram-se novamente e suas filhas também se divorciaram. Uma delas não se casou legalmente, mas vive com um  homem. Outra, mãe solteira aos 14 anos de idade, foi forçada a casar-se com o pai da criança, mas divorciou-se logo depois. Esta é a quarta geração
que está cometendo erros e sofrendo as conseqüências dos pecados das gerações anteriores. Por que tanta tristeza? 
Nenhuma dessas mulheres teve a oportunidade de observar uma mãe que vivesse de acordo com os padrões divinos.
Não estou dizendo que os maridos de todas elas foram "anjos". Pelo contrário, muitos deles também desobedeceram a Palavra de Deus. A melhor coisa que uma mãe pode dar como herança à sua filha é ser submissa ao pai dela, e a melhor herança que um pai pode dar a seu filho é o amor à mãe dele.
Jovem, se você percebe um espírito de rebeldia em você ou em seu parceiro, espere no Senhor - conversem e orem sobre isso. Tenham paciência até que aprendam a viver em harmonia em seus lares para então se casarem. Esta harmonia só pode ser desenvolvida entre duas pessoas que têm Jesus como Salvador e Senhor e que estão constantemente submetendo suas vontades, decisões e procedimentos à liderança do Espírito de Deus. O desafio de aprender a obedecer autoridades e viver em harmonia é um dos maiores e um dos mais importantes para um casamento feliz.

(fim do artigo)

Extraído do livro Antes de Dizer Sim.  Jaime Kemp