" A PRIMEIRA E MAIOR OBRA QUE DEVEMOS PRATICAR É CRER QUE JESUS FOI ENVIADO PELO PAI, AS OUTRAS PRÁTICAS NECESSÁRIAS SERÃO CONSEQUÊNCIAS DESSA E ESTRIBADAS NELA "

08/11/2011 12:44

 

Entendendo Melhor

 

João 6:22-36

 

O Senhor não se deixa enganar. As multidões seguem-NO com um motivo muito material: eles esperam que Ele continue lhes dando pão.

E é por isso que procura estimulá-los a trabalhar pelo céu (v. 27).

Deveríamos nos perguntar a nós mesmos se o nosso trabalho tem como prioridade as coisas do alto que alimentam a nossa alma e que permanecem, ou as coisas do Mundo que estão destinadas a perecer.

Quer isso dizer que devemos ter obras para sermos salvos?

 Muitas pessoas na cristandade de hoje ainda crêem assim (compare v. 28).

Mas a Palavra declara: "Porque pela graça sois salvos, mediante a fé... não de obras, para que ninguém se glorie" (Efésios 2:8-9).

Deus só reconhece uma obra - e é Ele quem opera esta obra em nós: a de crer no Salvador que Ele nos tem dado (v. 29).

Todas as coisas provêm dEle: a água viva (o Espírito Santo; 4:10) e o pão da vida (Cristo mesmo; v. 37).

Por que, então, não estão nossas almas continuamente satisfeitas?

Quebrou o Senhor as Suas promessas? (v. 35; 4:14).

Certamente que não!

Porém, por nossa parte, nem sempre cumprimos as condições: o Senhor Jesus diz "o que crê em mim, jamais terá sede".

Necessitamos da fé para ser salvos, mas também dela necessitamos cada dia para que possamos nos satisfazer em toda a Sua plenitude.

 

CONCLUSÃO:

 

“  Porém Samuel disse: Tem, porventura, o SENHOR  tanto prazer em holocaustos e sacrifícios como em que se obedeça à Palavra do SENHOR ? Eis que o obedeceré melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros. “ ( 1 Samuel 15:22 )

 

A nossa obediência plena à Palavra do SENHOR é que declara a verdadeira fé que temos N`Ele.

Pois a fé e a obediência tem que andar juntas; Elas concordam entre si e  complementam a nossa confiança N`Ele.